A CIDADE

Boa Vista é a única capital brasileira totalmente situada no hemisfério Norte Seu traçado arquitetônico foi projetado em forma de leque, inspirado em Paris.

Banhada pelo Rio Branco, Boa Vista possui uma grande extensão de praia durante o verão. Esportes como o caiaque, stand up paddle (SUP) e wind surf são comuns na praia de água doce.



Orla Taumanan

Às margens do rio Branco, a Orla Taumanan, no Centro Histórico da cidade, merece ser visitada. Nas duas plataformas, Meremê, que significa arco-íris na língua macuxi, e Weiquepá, ou seja, nascer do sol, há bares, lanchonetes e restaurantes. Geralmente aos finais de semana, há shows de artistas locais.

Costuma-se dizer que Boa Vista vivia de costas para o rio e, após a construção da Orla, passou a admirá-lo todos os dias.

A denominação Taumanan foi uma homenagem aos índios macuxi e significa paz.

Igreja Matriz Nossa Senhora do Carmo

Construção importante, a Matriz Nossa Senhora do Carmo foi a primeira igreja construída na Bacia do Rio Branco e é reconhecida como patrimônio histórico de Boa Vista. De 2005 a 2007, foi totalmente restaurada, preservando as características germânicas originais da década de 1920, quando foi reconstituída pelos padres Beneditinos, que a tornaram única em toda a região amazônica.

Durante a restauração da arquitetura, foram descobertas as pinturas originais das paredes, que contaram com o delicado trabalho de restauradores da Secretaria de Cultura do Amazonas.

A edificação está localizada no Centro Histórico de Boa Vista.

Monumento aos pioneiros
Monumento aos pioneiros

No Monumento aos Pioneiros, há elementos étnicos que formam a cultura do povo roraimense, suas tradições e costumes locais. A obra retrata a chegada das primeiras famílias ao Estado, que construíram suas casas às margens do rio Branco.

O painel possui cinco metros de altura por quinze de largura e foi esculpido em concreto e cimento pelo artista plástico roraimense Luiz Canará.

A obra está localizada na Praça Barreto Leite, que leva esse nome em homenagem ao Capitão Fábio Barreto Leite, emissário do Amazonas que deu posse às primeiras autoridades em Boa Vista.



Intendência

O edifício, localizado no Centro Histórico da cidade, é uma réplica da primeira Intendência, prédio construído em 1900 para sediar a administração, quando Roraima ainda era província do Amazonas. Devido a um incêndio, em 1958, o prédio original foi destruído.

Ela também funcionou como a primeira prefeitura e foi construída às margens do rio Branco, principal via de acesso à cidade na época.

No prédio funciona o Centro de Informações Turísticas da Prefeitura, para incentivar o desenvolvimento do turismo e valorizar a cultura e a arte regionais.

www.boavista.com.br/turismo