ACOMPANHE A PREFEITURA NAS REDES SOCIAIS Facebook Twitter Youtube SoundCloud Instagram
Home|Notícias|Família que Acolhe é destaque em evento nacional
NOTÍCIAS
Assistência Social
22/05/2015 16h13
Família que Acolhe é destaque em evento nacional

Em sua apresentação, Teresa Surita explicou o contexto sociocultural da capital de Roraima e mostrou como o programa se articula para cuidar das crianças desde o ventre da mãe até os seis anos de idade.

Foi na primeira Faculdade de Medicina do Brasil, na cidade de Salvador (BA), que o programa Família que Acolhe foi apresentado para uma plateia de neurocientistas de todo o Brasil.  A prefeita de Boa Vista, Teresa Surita, foi a convidada especial para abrir a Conferência Magna no II Encontro em Desenvolvimento Infantil, IBNequinho. O evento começou ontem, 21, e reuniu cerca de 300 pessoas.

 
“Levar o Família que Acolhe para dentro de uma faculdade de medicina mostra a seriedade do programa. Quando participamos desses encontros, percebemos o quanto Boa Vista está adiantada. Em todo o Brasil, não existe outra iniciativa como a nossa. O FQA não é mais um sonho, é realidade”, comentou a prefeita, logo após o encerramento da cerimônia.
 
Em sua apresentação, Teresa Surita explicou o contexto sociocultural da capital de Roraima e mostrou como o programa se articula para cuidar das crianças desde o ventre da mãe  até os seis anos de idade. Toda a apresentação contou com fotografias e vídeos, tornando possível que a plateia entrasse no universo
diário das mais de 4,3 mil mães atendidas pelo programa.
 
A mesa de discussão contou ainda com o prefeito de Petrolina, Julio Lossio, que desenvolve no município pernambucano um projeto voltado para creches. “Fiquei encantado com o programa de Boa Vista, acho que nós temos tudo para somar ideias e conceitos para poder avançar mais. Eu tenho certeza que o Brasil será melhor quando tivermos crianças melhores assistidas”, afirmou Lossio.
 
Após a explanação dos dois prefeitos, a plateia pode tirar suas dúvidas sobre as iniciativas. A neuropsicóloga Suzana Lyra mora em Salvador e não escondeu sua surpresa com o Família que Acolhe. “Eu não conhecia Boa Vista, fiquei conhecendo agora. Fiquei impressionada com o programa de vocês, com a amplitude dele. É realmente muito legal”,  disse.
 
O encontro
 
O encontro faz parte de uma seção infantil do Instituto Brasileiro de Neuropsciologia e Comportamento (IBNec). De acordo com a organização do evento, os pesquisadores participantes compartilham da mesma preocupação prática, ou seja, querem aplicar o conhecimento tanto no nível clínico, como no nível de políticas públicas. 
 
“Foi muito legal ter a oportunidade de participar do congresso. Todo mundo estava muito interessado, inclusive algumas pessoas vieram me perguntar como faz para que o programa aconteça. Elogiaram o fato de a gente ter uma sede específica para o FQA, como uma forma de não deixar as ações dispersarem”, finalizou a prefeita. 
 
Família que Acolhe 
 
Desenvolvido na atual gestão da prefeita Teresa Surita, o programa é mantido exclusivamente com recursos do Município e funciona a partir de um cadastro único. A criança que participa do Família que Acolhe recebe atenção integrada nas áreas de saúde, educação e desenvolvimento social. Ela e sua família são acolhidas ainda no período da gestação e acompanhadas até os 6 anos de idade.
 
De maneira inovadora, o FQA desburocratizou ainda o acesso à educação, pois antes mesmo do nascimento, a criança já tem sua matrícula garantida em creches e escolas da rede municipal. Em 2014, foi reconhecida nacionalmente como exemplo de política integrada para a Primeira Infância e Boa Vista considerada uma das pioneiras nesse tipo de investimento.
FALE BOA VISTA LIGUE 156
Prefeitura Municipal de Boa Vista, Trabalhar e Cuidar das pessoas
Prefeitura Municipal de Boa Vista
Palácio 9 de Julho | Rua General Penha Brasil, 1011 - São Francisco | CEP: 69305-130 TELEFONE: 156 | Boa Vista - Roraima - Brasil